Ir para o conteúdo

Plasma - Edição do 25º Aniversário

25 Anos de Espectáculo

O Plasma - Edição do 25º Aniversário traz novos visuais, funcionalidades e melhorias para o ambiente de trabalho clássico.

Quinta-feira, 14 Outubro 2021

empty laptop with an overlay
Plasma

Aparência

À parte do novo papel de parede, a primeira coisa que irá reparar é no novo tema. O Brisa — Blue Ocean melhora a aparência do Plasma e torna também mais claro para que serve. Os elementos activos numa janela, por exemplo, “ficam iluminados” quando a janela fica em primeiro plano, as opções de marcação mostram realmente os riscos e as opções exclusivas acendem-se como lâmpadas. As barras de deslocamento e campos incrementais estão maiores, o que os torna mais acessíveis e fáceis de usar com ecrãs tácteis, mas foram remodelados de forma a continuarem à mesma elegantes em computadores pessoais e em portáteis.

Entre outras coisas, mais alguns detalhes servirão para adicionar brilho e estilo ao ambiente de trabalho. Por exemplo, ao iniciar uma aplicação ou ao esperar que um processo termine, irá ver uma engrenagem à roda até que a tarefa termine e os elementos do ecrã têm agora um fundo borrado e terão um efeito de realce quando os chega mais perto do painel.

Detalhes subtis como estes, não são melhoram a aparência do ambiente de trabalho, como também lhe dão alguma reacção subliminar, com sugestões do que está activo e o que não está e como é que os diferentes elementos no ambiente de trabalho Plasma irão interagir consigo e entre eles.

Configurações do sistema

… E, já que estamos a falar do novo visual do Plasma, teremos de falar das coisas novas na Configuração do Sistema. Na opção Tema Global > Cores irá ver uma nova opção que lhe permite escolher as cores acentuadas do ecrã. As cores acentuadas são as cores dos itens realçados, como os itens seleccionados nos menus e listas, os fundos dos ícones das aplicações seleccionadas no painel, as barras de progresso em si ou os fundos das opções de marcação e opções exclusivas, e assim por diante.

substituir a cor acentuada de um esquema de cores

Agora digamos que, em vez do azul agradável do esquema de cores predefinido do Plasma, sente-se fabuloso e deseja um rosa forte para todas essas coisas: isso é de facto a primeira escolha na lista. Ou porque deseja uma distribuição do tipo camaleão e um verde intenso é realmente o que lhe agrada? Poderá fazer isso também. Para se certificar que as suas cores correspondem às do tema global, basta carregar na opção Do esquema de cores actual para que as coisas voltem a estar como estavam.

Por falar em ter as coisas de volta, se mudar a resolução do ecrã, poderá ficar com um ambiente de trabalho inútil. É por isso que tem agora um cronómetro: em Configuração do Sistema > Ecrã e Monitor > Configuração do Ecrã , assim que tiver escolhido uma resolução e carregar no botão Aplicar, irá aparecer uma janela com a contagem decrescente. Se ao fim de 30 segundos não tiver carregado no botão Manter (talvez porque o seu ambiente de trabalho tenha ficado inacessível), o sistema irá voltar à resolução original e segura. E esta é apenas uma das formas de o proteger contra acidentes de configuração.

Dado que manter o seu sistema operacional e seguro é uma das nossas preocupações principais. É por isso que o aconselhamos quando vai partilhar dados que possa não estar a par. Veja, por exemplo, a Cor Nocturna: uma das coisas que poderá fazer é usar a geo-localização para sincronizar a temperatura de cor do seu ecrã com os períodos de dia ou noite onde vive. A página da Cor Nocturna na sua Configuração do Sistema indicar-lhe-á quando partilhar a sua localização com um serviço de terceiros, o qual indica as horas de nascer e pôr do sol na sua área, assim como lhe indicará quem é o fornecedor dos dados. Da mesma forma, a página de Reacções agora mostra-lhe um histórico dos dados que optou por enviar para o KDE. Lembre-se que as Reacções estarão sempre desligadas por omissão. Tem de as ligar de forma explícita e consciente antes de algum dado sair da sua máquina.

Outra coisa em que irá querer ter alguma atenção é no seu adaptador Bluetooth. É por isso que poderá definir o seu estado no início da sessão. As suas opções são Activar o Bluetooth, Desactivar o Bluetooth e Recordar o estado anterior.

Se descobrir todas as opções que necessita parece cansativo, não tenha medo! Tornámos essa alterações mais simples, adicionando várias palavras-chave para melhorar as pesquisas. Basta escrever o que está à procura no campo Procurar e a Configuração do Sistema fornecer-lhe-á todas as opções relacionadas.

Kickoff

Obviamente, assim que terminar a configuração. irá querer aceder de facto às suas aplicações. Podê-lo-á fazer através do Kickoff, o lançador de aplicações que, numa disposição normal do Plasma, fica na parte inferior esquerda do seu ecrã. O Kickoff já teve uma grande remodelação há umas versões atrás, mas agora reescrevemos grandes partes do código para se tornar mais rápido e simples de usar.

E adicionámos novas opções, como é óbvio. Por exemplo, agora poderá manter o Kickoff aberto no ecrã com o novo botão de fixação localizado no canto superior direito. Ao carregar no botão para Configurar o Lançador de Aplicações à esquerda do pino, poderá escolher se deseja usar uma lista ou uma grelha para as vistas das aplicações, assim como configurar os botões de acções da energia/sessão.

Também tornámos o Kickoff muito mais amigável ao toque e, se carregar e mantiver o dedo carregado no ecrã táctil, irá aparecer o menu de contexto do Kickoff.

Área de notificações

detalhes sobre a rede ligada de momento

Irá encontrar a Bandeja do Sistema, numa disposição normal do Plasma, no lado direito do painel inferior. A Bandeja do Sistema é importante porque contém coisas que tipicamente gostaria de ter alguma atenção, sobre as notificações, o volume do som, o estado da rede, etc. Dado que a Bandeja do Sistema é uma parte vital e (literalmente) icónica do ambiente de trabalho Plasma para muitos utilizadores, foi tomado algum cuidado a melhorar a sua usabilidade e a dos elementos que contém.

Um elemento que poderá aceder é a Área de Transferência, o local para onde as coisas que copia vão e onde as aplicações recebem as coisa quando as cola de outro lado. A Área de Transferência foi melhorada de diversas formas; por exemplo, agora recorda 20 itens por omissão e ignora as as selecções que não tenha copiado de forma explícita. Isto dá-lhe mais por onde escolher quando copiar, enquanto por outro lado ajuda a desarrumar a lista, removendo excertos que possa ter realçado sem querer enquanto trabalhava no Plasma. Para o ajudar ainda mais a manter as coisas arrumadas, também poderá remover os itens seleccionados na janela da área de transferência se carregar na tecla [Delete] do seu teclado. Por favor em copiar e colar, poderá fazer o mesmo nas notificações com o atalho de teclado Ctrl + C.

Elemento do Leitor Multimédia

Uma coisa nova no elemento do Volume do Áudio é que agora distingue entre as aplicações que estão a reproduzir de facto o áudio ou a gravá-lo, e o Leitor Multimédia mostra sempre as capas dos álbuns e o seu fundo borrado ao mesmo tempo para qualquer música que esteja a reproduzir de momento. Também adicionámos uma forma simples de mudar os perfis de energia a partir do elemento de Bateria e Brilho. Poderá optar entre a “poupança de energia”, “balanceado” e “performance”.

No que diz respeito ao item de rede, o Plasma agora mostra mais detalhes sobre a rede ligada de momento, e poderá ajustar a configuração da velocidade manual para as ligações Ethernet por cabo. Este elemento também suporta configurações/protocolos/requisitos de autenticação adicionais para as ligações por OpenVPN e permite-lhe desactivar o IPv6.

Wayland

Tornar o Plasma completamente funcional no Wayland é uma prioridade para a Comunidade do KDE. O Wayland é um protocolo que irá permitir aos programadores do Plasma fazer muito mais pelo ambiente de trabalho, aumentando a performance, a estabilidade e implementando funcionalidades, como as necessárias para os ecrãs tácteis.

Nesta versão, o cursor mostra agora uma reacção com um ícone animado ao lançar as aplicações e adicionámos uma animação de rotação do novo ecrã para os dispositivos móveis, como os telemóveis, ’tablets’ e computadores portáteis/híbridos/’tablets’. Numa nota relacionada, ao entrar no modo de ’tablet’ no Wayland, irá aumentar o tamanho dos ícones da Bandeja do Sistema, tornando-os mais simples de tocar num ecrã táctil. A Bandeja do Sistema irá também notificá-lo quando algo estiver a gravar o ecrã e permitir-lhe-á cancelar esse processo.

Embora estejamos a atingir o suporte completo para o Wayland no ambiente de trabalho e nas aplicações, também suportamos o protocolo intermédio XWayland e, no Plasma 25AE, poderá agora usar um ‘click’ do botão do meio do rato para colar, assim como arrastar e largar coisas entre aplicações nativas do Wayland e do XWayland.

Outras mudanças

  • O Discover, o centro de aplicações do Plasma, agora carrega mais rapidamente e é mais transparente, dado que lhe indica onde está a instalar os seus programas directamente no botão de instalação, sem ter de ler a descrição completa.
  • Se tiver mais que um monitor, tem sorte, dado que as disposições multi-ecrã são agora recordadas entre sessões do X11 e do Wayland.
  • Se algo de facto correr mal, o DrKonqi, a aplicação que lhe permite enviar-nos as suas reacções e opiniões, agora avisa-o se uma determinada aplicação já não tiver uma equipa de manutenção.
  • Num esforço para arrumar mais as janelas, retirando botões desnecessários, o botão do ponto de interrogação na barra do título fica agora escondido por omissão nas janelas e na Configuração do Sistema.
  • Embora esteja ainda no tópico da remoção de componentes pouco úteis, as contas sem senhas e sem autenticação automática agora mostram um botão de autenticação simples e sem campo de texto para uma senha, já que não é necessário mesmo?
  • E, como sempre, melhorámos a estabilidade global, corrigindo até os erros mais rebuscados que poderiam estoirar ou bloquear o seu sistema.

… e ainda há muita coisa a acontecer. Se quiser saber mais, consulte o registo completo das alterações do Plasma - Edição do 25º Aniversário.

Download dos pacotes

Algumas distribuições já criaram e outras ainda estão em processo de criação dos pacotes. A lista de pacotes pode ser encontrada na nossa página wiki.

Note que os pacotes desta versão podem não estar disponíveis em todas as distribuições ao mesmo tempo que este anúncio.

Página wiki de download de pacotes

Apoiando a KDE

O KDE é uma comunidade de software livre que existe e cresce apenas com a ajuda de muitos voluntários que doam parte do seu tempo e esforço. O KDE está sempre procurando novos voluntários e contribuições, sejam elas de código, documentação, tradução, promoção, monetárias, etc. Todas as contribuições são apreciadas e bem-vindas. Leia a Página de apoio à KDE para mais informações ou para se tornar um membro de suporte da KDE e.V. através da nossa iniciativa Junte-se ao jogo.

Sobre a KDE

A KDE é uma equipe tecnológica internacional que cria software livre e aberto para computadores e dispositivos móveis. Entre os produtos da KDE encontra-se um ambiente de trabalho moderno para as plataformas Linux e UNIX, pacotes de groupware e produtividade de escritório, assim como centenas de aplicativos para diversas finalidades, que incluem aplicativos Web e da Internet, multimídia, entretenimento, educação, gráficos e desenvolvimento de programas. O KDE é traduzido para mais de 60 idiomas e está construído com base em modernos princípios de usabilidade e acessibilidade. Os aplicativos do KDE executam nativamente no Linux, BSD, Windows e macOS.


Avisos de marca registrada.

O logo da KDE® e do K Desktop Environment® são marcas registradas da KDE e.V..
Linux é uma marca registrada de Linus Torvalds. UNIX é marca registrada do The Open Group nos estados unidos e outros países.
Todas as marcas registradas e direitos autorais mencionados neste anúncio são de propriedade de seus respectivos donos.


Contatos de imprensa

Para mais informações, mande-nos um email: press@kde.org